Requerimento de informações sobre a privatização da Embasa é aprovado na Câmara Municipal

O requerimento de autoria do nosso mandato solicita à Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs) e da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) informações a respeito da possível Parceria Público-Privada (PPP) voltada para a privatização de serviços da referida empresa.

Ler mais

Em assembleia de professoras e professores municipais, Jhonatas avalia as ações da prefeitura: tratam quem trabalha na Educação como inimigo!

Na última quinta-feira (7), Jhonatas acompanhou a assembleia das professoras e professores da rede municipal de educação, convocada pela APLB Sindicato. A assembleia teve como objetivo avaliar coletivamente a negociação das reivindicações da categoria apresentadas à Secretaria Municipal de Educação.

Ler mais

Reunião com agentes de trânsito discute dificuldades enfrentadas pela categoria em Feira de Santana

Ao longo dos anos, a falta de diálogo do governo municipal tem produzido uma série de problemas para a categoria, que vão desde baixa remuneração até falta de equipamentos – como viaturas – e tem implicado também em situações de insegurança viária no município pelo descumprimento de termos estabelecidos no Sistema Nacional de Trânsito.

Ler mais

Audiência sobre “Segurança pública, Polícia Investigativa e Valorização Profissional” cobra revisão das carreiras na Polícia Civil e melhoria da remuneração e condições de trabalho

Dentre as principais questões abordadas, estiveram a denúncia das condições de trabalho de investigadores(as), escrivães e peritos(as) técnicos(as) da Polícia Civil da Bahia, falta de oportunidades de progressão na carreira e críticas à política de segurança pública do estado, que incluiu a descaracterização do trabalho de investigação ao longo dos últimos anos.

Ler mais

Combate à intolerância religiosa na Câmara Municipal foi tema de reunião do nosso mandato com entidades da sociedade civil

Na última quarta-feira (29), nosso mandato se reuniu com representações de diversas entidades organizadas em torno da luta contra a intolerância religiosa em Feira de Santana, para discutir principalmente os reiterados episódios de intolerância praticados por vereadores dentro do próprio espaço da Câmara Municipal, especialmente durante suas sessões ordinárias.

Ler mais

Câmara aprova requerimento de Jhonatas que pede informações sobre desapropriações de imóveis para a implantação do BRT

A realização de desapropriações veio a público na última audiência para avaliação das metas fiscais do município, quando o secretário municipal da Fazenda respondeu um questionamento feito por Jhonatas sobre o uso dos recursos. A informação causou estranheza, uma vez que o trajeto do BRT se dá nas principais avenidas do município, e não há clareza se imóveis foram desapropriados ou não nessas áreas.

Ler mais

Projeto técnico do “Novo Centro” e diagnóstico sobre feirantes terão que ser apresentados pela prefeitura

Conseguimos aprovar na última terça-feira (21) dois requerimentos de autoria do nosso mandato, que dizem respeito ao projeto “Novo Centro” e à situação das pessoas que trabalham nas feiras livres. É uma importante vitória, considerando o conflito em curso no centro da cidade, em torno da possibilidade de expulsão de feirantes da rua Marechal Deodoro.

Ler mais

Feirantes da rua Marechal Deodoro reorganizam barracas onde as obras do “Novo Centro” estão finalizadas e lançam carta à sociedade

A reorganização das barracas da feira, de forma a ocupar apenas a parte da rua onde as obras já foram concluídas, visa combater o discurso da prefeitura, segundo o qual as barracas impediriam o avanço das obras do projeto “Novo Centro”. Com a nova disposição, as obras podem continuar sem qualquer obstáculo.

Ler mais

Agentes de endemias apresentam ao nosso mandato as dificuldades enfrentadas para exercer a profissão em Feira de Santana

Luiz Cláudio, Isabel Cristina Fernandes e Daniel Oliveira, membros da diretoria, apresentaram os principais problemas cotidianos que chegam a inviabilizar o próprio cumprimento da carga horária de 8h, tais como a inexistência do auxílio alimentação, a falta de pontos de apoio adequados e sobrecarga de trabalho, devido à defasagem de pessoal, já que o último concurso pra área foi realizado em 1999.

Ler mais