Embasa responde a requerimento de Jhonatas sobre saneamento em áreas de lagoa de Feira de Santana

Na última quinta-feira (13), nosso mandato se reuniu com a gerência da Embasa para tratar dos requerimentos apresentados à empresa, que solicitavam informações sobre saneamento básico em Feira de Santana, especialmente em áreas do entorno de lagoas.

O diálogo aconteceu com o gerente da Unidade Regional de Feira de Santana, Euvaldo dos Santos Neto, que apresentou a resposta inicial da Embasa mais especificamente a um dos requerimentos do mandato, sobre a existência de rede de esgotamento em diversas ruas das áreas no entorno da lagoa do Prato Raso, na Queimadinha, da lagoa do Chico Maia, na Mangabeira e da lagoa Grande, na Rocinha.

O gerente apresentou a perspectiva de atuação da Embasa no município à luz do contrato vigente, especificou as competências da empresa e sinalizou a disponibilidade para o repasse das informações requeridas, assim como para uma discussão pública sobre os mecanismos possíveis para encaminhar soluções para essas áreas. De acordo com Jhonatas, as regiões do entorno das referidas lagoas têm sido tratadas com prioridade nas discussões do mandato sobre saneamento por se tratar de áreas “criticamente impactadas pela expansão urbana e pela forte presença não apenas de ocupação por moradias, mas também por estabelecimentos comerciais, industriais e empresariais de modo geral, e que por isso mesmo requerem atenção imediata”.

Além da resposta ao requerimento e do compromisso em manter aberto um canal de diálogo direto para as demandas apresentadas pelo mandato a partir das reivindicações que chegam de diferentes comunidades feirenses, tanto urbanas como rurais, também ficou sinalizado o compromisso de colaboração com a construção de soluções de saneamento para as áreas em vista, mas também diversas outras situações semelhantes que marcam a realidade do município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *